segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Reflexões da Sagrada Escritura: Luz e Providência


(25ª Semana do Tempo Comum - Segunda-feira 25/09/2017)
Primeira Leitura (Esd 1,1-6)
Responsório - (Sl 125 (126),1-2ab.2cd-3. 4-5. 6 (R. 3a))
Evangelho - Lc 8,16-18

1.Na primeira leitura de hoje vemos como Deus usou de um rei pagão, Ciro dos Persas, para a reconstrução do templo de Jerusalém. Misteriosos os desígnios da providência.

Rezemos pelos nossos governantes, mesmo eles não sendo cristãos. O Espírito sopra onde quer, e Deus usa dos mais variados meios para servir sua Divina Vontade.

2.No salmo cantamos as obras maravilhosas do Senhor, e no Evangelho uma séria advertência nos é dada: ''Portanto, prestai atenção à maneira como vós ouvis! '' (Lc 8,18a).

Como estou ouvindo a palavra de Deus? Com humildade e mansidão? Ou pelo contrário estou fazendo self-service, escolhendo só as partes agradáveis, aquelas que vão de encontro com meus caprichos? Ou pior, usando-a como desculpa para espezinhar meu irmão! Examinemo-nos e meditemos no ensinamento de São Josemaria Escrivá:
O santo, para a vida de muitos, é “incômodo”. Mas isso não significa que tenha de ser insuportável.
- O seu zelo nunca deve ser amargo; a sua correção nunca deve ferir; o seu exemplo nunca deve ser uma bofetada moral, arrogante, na cara do próximo. -(Forja 578)
3.A Palavra de Deus é, como cantamos no Domingo: "Luz para os meus passos, lâmpada para o meu caminho". No Evangelho de hoje, é-nos dito que está luz deve iluminar, não foi feita para ficar escondida.

Iluminar, eis a função primaria da luz! Luz essa que deve ser motivo de alegria e esperança para aqueles que caminham. Porém, é inevitável que essa luz que ilumina não cause repulsa aos dorminhocos, aqueles que gostam de viver na escuridão. Devemos lidar com isso sem medo e respeitos humanos, entretanto, este incômodo é a consequência e não o objetivo; se uso dessa luz mais para espezinhar e provocar os dorminhocos que para guiar-me em meus caminhos, algo está errado.

4.Há algo mais: essa luz revela tudo o que há de oculto, inclusive as misérias e pecados de nosso coração, do meu coração. Quanta coisa há aí que queríamos deixar oculto, não? Mas, não é o plano de Deus, quer Ele revelar nossa miséria, minha miséria, expor a ferida a fim de que O busquemos para sermos .

Luz que ilumina, luz  que purifica... A nós descei Divina Luz!



5.E que Maria, Estrela do Mar, estrela que reflete a luz do Sol, que é o Cristo o Senhor, estrela que guia os navegantes, guie também nós, indignos marinheiros da gloriosa nau de Pedro, afim de que não naufraguemos nas águas do mundo e do pecado, vindo a perder-nos eternamente.

Maria Estrela da Manhã rogai por Nós.
Divino Espírito, Deus com o Pai e o Filho, iluminai-nos.

Kyrie Eleison!

Nenhum comentário:

Postar um comentário