quarta-feira, 8 de julho de 2020

Você já sentiu inveja dos pássaros?


Kino no Tabi é um anime inusual, dirigido a um público inusual. Talvez por isso não seja tão popular... Todavia, a opinião das massas nunca valeu de grande coisa desde os tempos de Platão...

A maioria dos animes segue uma narrativa linear, fortemente conectados uns aos outros, trabalhando seus personagens, sua construção de mundo, as regras internas de seu universo: este é o usual. Mas como disse, Kino no Tabi é inusual; o anime é cíclico em ato e infinito em potência.

A premissa é simples: acompanhamos a jornada Kino e seu companheiro Hermes (um moto falante). Neste mundo fictício cada cidade é como fosse um país. Não mais que três dias é o tempo em que nossa protagonista passa em cada um, sendo o suficiente para conhecer a cultura local, bem como um tempo seguro para que esta não se apegue a ponto de desejar ficar e desistir de sua jornada. Qual o objetivo da viagem? Isso fica para depois, falemos agora de Kino.

A protagonista, é tão inusual como o próprio anime. Para quem está acostumado ao esteriótipo shonen recheado de personagens enérgicos e determinados, Kino é demasiado passiva. Apesar de sua expertise com armas de fogo, ela passa quase sempre como mera observadora, alguém que se limita a observar os costumes locais, sem contudo tomar parte nos assuntos internos de cada país. É como fosse tal como você neste texto, um leitor, um expectador, e não um personagem do conflito. No momento oportuno, sempre de forma muito sútil, o anime nos sugere um porquê. 

Em cada episódio, em cada país, através de histórias um tanto quanto absurdas a narrativa explora temas diversos e profundamente complexos: autoridade, democracia, guerra, vingança, trabalho, expressão, tradição, sacrífico e sobretudo o porquê, o sentido da vida humana, não da humanidade como um todo, mas de cada vida em particular.

E toda essa riqueza de roteiro é acompanhada por uma arte característica bem como uma trilha sonora absolutamente linda e recursos cenográfico-expressivos marcantes.


Kino no Tabi - The Beautiful World figura hoje entre meus animes favoritos, o qual pretendo revisitar ainda mais algumas vezes, de forma que no futuro venha a comentar individualmente cada um dos temas abordados.

Por fim, pergunto-lhe caro leitor: você já sentiu inveja dos pássaros? 

Sempre que as pessoas veem pássaros voando através do céu, dizem que elas sentem vontade de ir em uma jornada..

Nenhum comentário:

Postar um comentário